Como cuidar de um piercing inflamado

Como cuidar de um piercing inflamado

A inflamação é quando ocorre uma alteração no processo de cicatrização, causando dor, inchaço e vermelhidão acima do normal quando a pele é perfurada.

O tratamento para piercing inflamado deve ser feito por uma enfermeira ou médico, dependendo do tipo da ferida e do grau de inflamação, mas as orientações gerais incluem manter o local limpo e seco, evitar umidade e suor e usar anti-inflamatórios ou antibióticos prescritos por médico.

Cicatrização dos piercings e cuidados gerais

Os primeiros 30 dias após a perfuração serão essenciais para uma boa cicatrização, mas é necessário mais tempo para a cura total, este tempo depende do seu organismo, cuidado e local de perfuração. Embora haja um tempo médio de cura, algumas pessoas podem ter maior ou menor, o processo completo pode levar até 1 ano.

Tempo de cicatrização dos ‘piercing’ mais popular:

  • Língua: 4 a 8 semanas
  • Lóbulo (orelha): 1 a 2 meses
  • Lábio, Bochecha e Sobrancelha: 2 a 4 meses
  • Septo, Nariz, Hélix (cartilagem): 3 a 8 meses
  • Nuca, Mamilo, Umbigo, Trágus: 6 a 12 meses

O que pode afetar a cura do seu piercing:

Higienização:

  • – Nunca toque no piercing sem lavar bem as mãos;
  • – Mantenha o local de perfuração limpo, seco e ventilado, use um cotonete, gaze ou ventilador se necessário secar após a limpeza;
  • – Não gire o piercing, a menos que seja hora de limpá-lo;
  • – Nunca retire o cone do seu piercing, isso faz parte da cura saudável, deixe sair;
    naturalmente durante a limpeza com água e sabão neutro ou antibacteriano;
  • – Soro fisiológico e água morna também podem ser usadas para limpeza.
piercing inflamado como cuidar

Alimentos que dificultam a cura porque podem aumentar a inflamação no corpo:

Cuidado com a alimentação, pois existem alimentos que podem dificultar a cicatrização, como doces, refrigerantes, frituras e salsichas. Leia também: Asbestose: causas, sintomas, tratamento: Os perigos do amianto.

Alimentos que auxiliam na ação anti-inflamatória natural:

Alimentos anti-inflamatórios podem ajudar no tratamento do piercing inflamado, como açafrão e alho, por exemplo.

  • Peixes ricos em ômega 3 como Salmão, atum e sardinha;
  • Sementes com ômega 3 como linhaça, chia, gergelim;
  • Frutas cítricas como acerola, goiaba, abacaxi, laranja;
  • Frutas vermelhas como melancia, romã, morango, cereja e uva;
  • Oleaginosas como castanhas e nozes;
  • Vegetais como couve-flor, brócolis, repolho;
  • Gorduras boas como óleo de coco e azeite extra virgem;
  • Líquidos como água e sucos naturais para manter a hidratação adequada do corpo.

Alguns cuidados externos:

  • Não durma em cima da área perfurada;
  • Não use roupas que apertem a perfuração;
  • Maquiagem ou cosméticos não são permitidos na região.

Meu ‘piercing’ está inflamado, o que fazer?

As orientações gerais para reverter esta situação inclui manter o local limpo e seco, evitando a umidade e o suor, além de usar anti-inflamatórios ou antibióticos prescritos pelo seu médico, farmacêutico ou (boby piercing).

Além desses cuidados, no caso de perfurações orais, como língua ou lábios, é importante ingerir alimentos pastosos para ajudar a reduzir o desconforto e a dor.

Não use produtos como mel, babosa ou outras pomadas caseiras, pois podem acumular sujeira na área e dificultar a cicatrização. Produtos que podem causar irritação, como álcool, iodo ou peróxido de hidrogênio, devem ser usados ​​apenas quando grandes feridas precisam ser enfaixadas sob a orientação de uma enfermeira ou clínico geral.

Michele Salvino
Meu nome é Michele Salvino. Estou no último semestre da faculdade de Nutrição. Sou apaixonada pelo estilo de vida saudável, por práticas que facilitem o bem-estar.