Grávidas podem pintar o cabelo com qual tinta?

Grávidas podem pintar o cabelo

Grávidas podem pintar o cabelo? Muitas mulheres estão acostumadas a pintar os cabelos desde cedo, e quando chega a gravidez a dúvida chega: grávida pode pintar o cabelo com qual tinta?

E esse é um questionamento muito importante, já que a maior parte das tinturas são compostas por químicos que podem trazer malefícios durante o processo gestacional.

Se você tem interesse em descobrir quais são as tintas que podem ser usadas durante a gravidez, continue lendo esse artigo e descubra um pouco mais sobre o assunto.

A partir de que momento a grávida está liberada para pintar o cabelo?

Essa resposta dependente muito e é de extrema importância que o médico que esteja acompanhando a sua gestão esteja ciente do uso da coloração no cabelo.

Normalmente, as tinturas que não são indicadas para as gestantes vêm com um selo ou possuem algum alerta que indique que o produto não deve ser usado durante este período.

De qualquer forma, é sempre o médico especialista que saberá indicar quais serão os melhores produtos para cada caso.

Além disso, vale lembrar que muitas pessoas podem desenvolver alergias aos químicos que fazem partes das tinturas, por isso, é sempre recomendado estudar o produto antes de comprar.

Grávidas podem fazer luzes no cabelo?

No geral, as luzes e mechas são liberadas para as gestantes, já que para esse processo os produtos não precisam entrar em contato com o couro cabeludo.

Para se precaver de qualquer problema, muitos médicos optam por indicar processos que não envolvam produtos à base de amônia, que é uma substancia tóxica para os bebês. Outra recomendação é que esses processos sejam realizados após o 3º mês de gestão.

Mesmo com a liberação do obstetra, é importante que a mulher que vai fazer a modificação nos fios tome alguns cuidados.

Confirma alguns cuidados que as grávidas devem ter na hora de pintar o cabelo.

Cuidados ao pintar o cabelo na gravidez

Grávidas podem pintar o cabelo com qual tinta?
Grávida pode pintar o cabelo com qual tinta?

Se o seu médico te liberou para pintar os cabelos durante a gestão, veja alguns cuidados que você deve tomar para realizar a mudança dos fios com segurança para você e para o seu bebê.

  • Escolha um salão confiável: escolher um profissional responsável é essencial para as futuras mamães. Isso porque, sabendo da sua gravidez ele deve tomar todo cuidado na hora de escolher os produtos, bem como na hora de aplica-los.
  • Evitar realizar mudanças em casa: se você quer pintar os seus cabelos durante a gestão, é indicado que não faça isso em casa. Em casa, você pode correr o risco de deixar os produtos caírem na sua pele acidentalmente e isso não é indicado. Além do mais, ao escolher um profissional adequado ele saberá qual é o produto mais seguro a ser usado.
  • Respeitar o tempo de ação do produto: muitas mulheres cometem o erro de deixar o produto agindo por mais tempo no cabelo com o intuito de conseguir resultados melhores. Porém, o correto é seguir o tempo de ação do produto, que sempre é indicado pelo fabricante. No caso de gestantes, é ainda mais importante respeitar o tempo de uso dos produtos.
  • Faça o procedimento em um ambiente adequado: muitos produtos, mesmo que não contenham substancias danosas para os bebês e para as mães, podem possuir um cheiro forte, e por isso, é indicado que os processos de mudança nos fios de cabelo sejam feitos em um ambiente arejado onde o ar possa circular com facilidade. Dessa forma, a gestante se sentirá mais confortável e não correrá riscos de se sentir mal por causa dos cheiros.

Mas afinal, as gestantes podem usar que tipo de tinta?

A verdade é que não existe muito conteúdo sobre esse assunto pois as pesquisas sobre este tema são poucas. Na maior parte das vezes, sempre que esse existe possibilidade do aprofundamento deste assunto, o conselho de ético o proíbe, já que os testes podem trazer malefícios para a saúde da gestante e do bebê.

O mais indicado é a utilização de produtos sem amônia. Produtos que contenham em sua formulação metais pesados como chumbo também são contraindicados.

E essas regras valem tanto para as tinturas permanentes como para os totalizantes. Apesar dos dois produtos terem funções distintas, ambos podem ser desenvolvidos com substancias tóxicas e não indicadas. Por isso é importante estar atentando aos rótulos das embalagens que indicam as composições das tintas.

Sobre a cor das tintas, há médicos que digam que as cores mais claras são as mais indicadas, já que estas possuem um número menor de componentes, já que não é preciso escurecer tanto os fios.

E vale lembrar que existem algumas opções naturais que podem ser usadas com tranquilidade pelas gestantes.

Opções naturais para grávidas que querem mudar os cabelos

Você sabia que algumas plantas como a camomila, a henna e o hibisco tem o poder de alterar a cor do cabelo e funcionam como uma tinta natural? Além do mais, essas opções naturais tem a vantagem de poder ser aplicada em casa.

Mas é claro que, por ser uma opção natural, as tinturas naturais podem não proporcionar um resultado tão intenso ou forte quanto aos das tintas desenvolvidas industrialmente. Dessa forma, se você tem a intenção de usar uma dessas opções naturais, o indicado é que seu cabelo esteja forte e hidratado para que assim os resultados sejam mais evidentes.

Veja alguns produtos naturais que são capazes de colorir seu cabelo sem prejudicar o seu bebê

  • Beterraba: se você tem o cabelo avermelhado, a beterraba pode ser uma grande aliada durante a gestação. A beterraba tem um pigmento de tom avermelhado que pode funcionar para tonalizar os cabelos e dar um brilho a mais para os fios.
  • Henna: A henna é muito conhecida por ser utilizada em tatuagens temporárias e nas sobrancelhas. Porém, essa substância, que é extraída de uma planta, também pode ser usada pelas gestantes para colorir os cabelos. Por ser feita a partir de uma planta, a henna é liberada para as gestantes e a sua vantagem é que ela existe em várias tonalidades.
  • Camomila: Os benefícios da camomila já foram descobertos pela indústria cosmética a muito tempo, por isso existem diversos cremes e shampoos a base dessa substancia. Usando a camomila você consegue clarear os fios de cabelo de forma gradual, dando aos fios um tom dourado.
  • Hibisco: A flor de hibisco tem uma coloração avermelhada que pode ser utilizada como uma tintura natural. Além de alterar a tonalidade dos fios, o hibisco também tem o poder de combater a caspa, diminuir os danos dos efeitos dos raios ultravioletas e auxiliar o crescimento dos fios.
  • Chá preto: para quem tem os cabelos escuros e procura uma forma natural de dar mais brilho e intensidade na cor, o chá preto é uma excelente opção.

E após ganhar o bebê, é liberado pintar os cabelos?

Se você for amamentar, o indicado é que você continue obedecendo as recomendações dadas pelo seu médico durante a gestação.

Tintas que possuem amônia ou substâncias fortes como o chumbo não devem ser utilizadas pelas mães que estão amamentando.

O risco nesse caso é que as químicas alterem a composição do leite que será ingerido pelo bebê.

Conclusão

O objetivo desse artigo foi responder a pergunta: “grávidas podem pintar o cabelo com qual tinta?”. Mas antes de tudo é preciso lembrar que cada gestação acontece de uma forma, e que os organismos têm necessidades diferentes.

Em um período tão especial que é o da gravidez, é essencial ter um médico especialista acompanhando o desenvolvimento do bebê e aconselhando a mãe a tomar as melhores decisões.

Esperamos que esse artigo tenha ajudado de alguma forma a esclarecer algumas questões sobre o assunto. Contudo, as indicações do médico especialista é a principal fonte a ser procurada antes de realizar alguma mudança capilar durante a gravidez.

Michele Salvino
Meu nome é Michele Salvino. Estou no último semestre da faculdade de Nutrição. Sou apaixonada pelo estilo de vida saudável, por práticas que facilitem o bem-estar.