Como espirrar : Espirro pode contaminar uma sala por horas
Como espirrar

Como espirrar : Espirro pode contaminar uma sala por horas

  • Post Author:
  • Post published:1 de março de 2020
  • Post Category:DICAS

Basta que uma pessoa gripada dê um único espirro para contaminar por horas todo o ambiente – como um quarto, uma sala ou um escritório.

É o que diz uma pesquisa publicada no periódico Journal of the Royal Society Interface por uma equipe de especialistas da Virginia Polytechnic Institute and State University, dos Estados Unidos.

Segundo eles, os perdigotos flutuam no ar em concentrações suficientes para propagar a doença.

A incrível descoberta vai ao encontro da ideia já concebida de que não se deve ficar muito tempo na sala de espera de um consultório médico, por exemplo – porque é um local com alta concentração dessas partículas microscópicas contaminadas.

Porém, a tese é válida ainda para explicar porque é comum pegar gripes e resfriados durante viagens de avião ou ônibus.

Um único espirro pode contaminar uma sala

Para chegar aos resultados, a equipe americana colheu amostras de ar de salas de espera de clínicas médicas, de enfermarias e de aeronaves que fizeram viagens entre as duas costas dos Estados Unidos. Metade dessas amostras estavam contaminadas com o vírus da gripe.

Assim, os pesquisadores descobriram que um metro cúbico de ar típico continha, em média, 16.000 gotículas liberadas na tosse ou no espirro. “Dada a alta concentração, a quantia de vírus que uma pessoa vai inalar durante uma hora é suficiente para que ela se contamine”, diz Lindsey Marr, coordenador chefe do estudo.

Durante uma tosse podem ser liberados no ar cerca de 3.000 partículas de saliva, a uma velocidade de 22,3 metros por segundo. Já um espirro chega a conter até 40.000 gotículas, algumas das quais saem do corpo a uma velocidade de quase 45 metros por segundo.

Como espirrar : Forma correta e definitiva de espirrar

Então você esta caminhando pela rua, ouvindo aquele som gostoso nos fones e pensando no que fazer para o jantar.

Tudo parece tranquilamente bem, até que a pessoa que caminha na sua frente muda tudo. Num movimento bem rápido e sem anúncios, ela espirra, e você, que está logo atrás, é presenteado com uma névoa de saliva, bactérias e vírus.

O fato é que isso não é apenas anti-higiênico, pode afetar a saúde das outras pessoas, ainda mais agora com o surto do Coronavirus, que já provocou várias mortes no mundo

Por isso, consultamos especialistas para descobrir direitinho o jeito certo de espirrar.

A etiqueta do espirro

espirro2_sosolteiros

Para o infectologista Dr. Renato Ferneda de Souza, tomar alguns cuidados no dia a dia e no modo de espirrar, podem evitar com que gotículas de vírus se espalhem no ar com mais facilidade.

O modo mais correto de espirrar seria com a proteção do antebraço ou lenço de bolso.

Com isso, evita-se o espalhamento de gotículas com vírus pelo ar ou pelas mãos que os portadores colocarão em portas, maçanetas e locais diversos, permitindo a propagação do vírus em quaisquer locais.

Para o Dr. Leonardo Albuquerque, médico clínico do Hospital São Luiz, a maneira certa de espirrar também é a utilização do antebraço para cobrir a boca e evitar o contato com as mãos.

Com as mãos você costuma cumprimentar outras pessoas, ou até mesmo encostar em objetos e elas podem transmitir perdigotos, que são micropartículas contaminadas com o vírus.

Espirro

Veja Também : Infecção vaginal: o que é, causas, sintomas e tratamento