Capim-limão: Vale realmente a pena? Confira tudo

O capim-limão, capim-santo ou capim-cidreira (de nome científico Cymbopogon citratus), é uma erva nativa do sul da Índia e do Sri Lanka. 

Primeiramente, o nome capim-limão se origina do seu aroma, inclusive, caso você não conheça, muito semelhante ao do limão.

Contudo, ele cresce também em outros lugares no mundo, como aqui no Brasil, pois é muito popular, devido aos seus muitos benefícios. 

Benefícios esses encontrados tanto no seu caule, sendo um ingrediente bem conhecido na culinária asiática, quanto no seu chá, o que mais faz sucesso mundialmente. 

Quanto às suas características físicas, o capim-limão tem longas folhas, como ervas marinhas.

No entanto, nos dias de hoje, existem mais de 55 espécies da erva, dentre as quais poucas podem ser utilizadas na culinária.

Por fim, neste artigo, você vai conhecer a fundo o capim-limão, assim como o seu óleo essencial. Desse modo, verá que se adicioná-lo à sua rotina, terá diversos benefícios!

Capim-limão para que serve?

O capim-limão é conhecido pelos seus muitos benefícios à saúde, principalmente quando o assunto é combater radicais livres, o que reduz a inflamação no organismo.

Ele também combate inflamações causadas pelo ácido clorogênico, isoorientina e swertia saponina.

Ao combater a inflamação, essa erva reduz dores no corpo e também doenças cardíacas.

Além disso, e também hoje um dos seus usos principais, ele é uma ótima pedida na sua dieta.

Ou seja, de forma resumida, ele é bastante indicado para grande parte das pessoas que procuram uma melhora na qualidade de vida.

Chá de capim-limão como fazer?

Para preparar o capim-limão, não há segredos, pois basta fazer uma simples infusão. Ou seja, adicionar folhas em água quente, com o recipiente tampado, até que o gosto fique agradável para você. 

Logo após, é só coar as folhas, sendo que, se você quiser, pode adicionar também limão e gengibre. 

Use cerca de 4 a 6 folhas picadas para cada xícara de água. Lembre-se de que, quando falamos em chás, estamos falando de um gosto muito pessoal, portanto, com o tempo você vai descobrindo no processo de preparação como é o chá ideal para você.

Óleo essencial de capim-limão

Primeiramente, óleos essenciais são substâncias sintetizadas de plantas. Eles são obtidos por meio da extração, prensagem a frio e destilação.

O óleo essencial de capim-limão é extraído de suas folhas e caules, tendo um poderoso aroma cítrico.

Tradicionalmente, esse óleo essencial é usado para tratar de pressão alta e problemas digestivos, contudo, ele possui muitos outros potenciais benefícios.

Em vista disso, a aromaterapia o utiliza largamente para aliviar sintomas de estresse, depressão e ansiedade.  

Ou seja, sim, o seu óleo pode oferecer uma série de benefícios, que com toda certeza pode ajudar muitas pessoas a uma melhora na qualidade de vida.

Benefícios do óleo essencial de capim-limão

Confira a seguir alguns dos benefícios que só o óleo essencial do capim-limão pode oferecer:

Antifúngico: fungos que causam micose também podem ser combatidos por essa super erva.

Antioxidante: o óleo essencial de capim-limão também pode eliminar radicais livres que danificam as células.

Antibacteriano: ele é eficaz para bactérias resistentes a medicamentos, as quais poderiam causar infecções intestinais graves, pneumonia, infecções de sangue e infecções de pele.

Alívio de dores de cabeça e enxaquecas: essas dores chatas são combatidas com o eugenol presente no capim-cidreira.

Reduzir o colesterol: reduzir o colesterol e prevenir doenças cardíacas é um dos benefícios dessa rica erva.

Previne úlcera gástrica: vários problemas digestivos, como úlceras e dores no estômago, podem ser prevenidos com o uso do capim-limão. Além de aliviar as náuseas.

Combate a diarreia: a incômoda diarreia, que até ter graves efeitos colaterais, como a constipação, também pode ser combatida com essa poderosa erva.

Anti-inflamatório: diversos problemas de saúde são causados por inflamações crônicas, como câncer, doenças cardiovasculares e artrite. A substância citral que o capim-limão contém também é eficaz para combatê-la. 

Analgésico: Está com dor? O capim-limão pode ajudá-lo a aliviá-lo, já que ele combate a inflamação.

Alívio do estresse e ansiedade: a aromaterapia pode reduzir o estresse e ansiedade, ao utilizar a nossa erva capim-cidreira, ainda mais se for combinado a uma relaxante massagem com amêndoas doces.

Como usar o óleo essencial de capim-limão?

Não há uma rigorosa padronização quando falamos do óleo essencial de capim-limão, pois seus testes científicos foram predominantemente feitos em animais. 

Entretanto, a quantidade comumente usada na aromaterapia é de até 12 gotas do óleo essencial para 1 colher de chá de óleo transportador (óleo de coco, jojoba ou amêndoa.

Por conseguinte, após fazer a solução, coloque o óleo na região da parte interior do cotovelo e espere 24 horas, como modo de fazer um teste. 

Desse modo, não ocorrendo nenhuma reação adversa indesejada, o utilize em outras partes do seu corpo.

Você pode misturar em um banho quente ou massagear a sua pele com ele, sempre de forma diluída, sempre aplicá-lo diretamente na pele.

Inalar o óleo usando o difusor também é ótimo, usando um lenço ou uma bola de algodão. Muitas pessoas o aplicam, sempre de forma diluída, em suas têmporas, pois isso ajuda a aliviar dores de cabeça.

Contraindicações

O capim-limão é contraindicado para casos de:

  • Dores abdominais fortes sem causa aparente;
  • Uso contínuo de diuréticos;
  • Doenças respiratórias, como a asma;
  • Amamentação;
  • Quimioterapia;
  • Gravidez;
  • Uso de medicamentos para controlar a pressão arterial.

Nesses casos, consulte o seu médico antes de usar essa planta.

Efeitos secundários do óleo essencial de capim-limão

O óleo essencial de capim-limão, como todo óleo essencial, é muito concentrado. Seus efeitos secundários variam de pessoa para pessoa, por isso se deve ter cuidado ao usá-lo.

Seus efeitos colaterais mais comuns são:

  • Reação alérgica;
  • Irritação na pele;
  • Aumento da micção;
  • Sonolência;
  • Tontura;
  • Aumento do apetite.

Se forem ingeridos, óleos essenciais podem ser tóxicos, portanto, não os ingira de modo algum.

Considerações finais

Sem dúvida alguma, ter o capim-limão na sua vida vai fazer toda a diferença, ainda mais a longo prazo, com seus benefícios se acumulando

Entretanto, como todo tipo de coisa, exagerar no uso da erva também é ruim, portanto, deve-se ter cuidado ao utilizá-la, ainda mais em sua forma de óleo essencial.

Muitas pessoas ficam com medo de utilizar ervas e seus óleos essenciais devido aos seus efeitos secundários, no entanto, até mesmo medicamentos feitos por grandes farmacêuticas possuem esses efeitos.

Na verdade, produtos naturais como o capim-limão normalmente possui menos efeitos secundários que medicamentos industrializados. 

Então, traga o capim-limão para a sua vida, com certeza ele vai fazer toda a diferença!

Nos vemos em breve.

Michele Salvino
Meu nome é Michele Salvino. Estou no último semestre da faculdade de Nutrição. Sou apaixonada pelo estilo de vida saudável, por práticas que facilitem o bem-estar.